TOP

CONHEÇA A HISTÓRIA DO SITE BORA MORAR FORA

 

MINHA VIDA ANTES DO BMF

Eu estava vivendo uma vida no piloto automático, não via muito sentido no propósito final do meu trabalho e como a maioria das pessoas, rezava pelo final de semana e, principalmente, pelas férias.

Há mais ou menos um ano, meu namorado chegou em casa falando sobre propósito de vida. Na mesma hora não só pensei como eu respondi – “O que? Esse tipo de coisa não existe.. Vamos focar na realidade!

Nossa renda mensal era muito boa para um casal. Ele era diretor de Marketing Digital em uma empresa de cosméticos e eu Analista Financeira Senior em uma companhia de óleo e gás.

Apesar de lutar muitas vezes contra sair da zona de conforto, a idéia de propósito soou muito forte. A partir deste dia nossa vida começou a mudar significativamente para MELHOR!

Em dezembro de 2016 pedi demissão do meu emprego para me aventurar em uma jornada nômade pelo mundo a fora.

 

COMO SURGIU O BMF?

A idéia de montar o Bora Morar Fora surgiu logo em seguida. Eu sempre amei viajar e também sempre tive bastante curiosidade sobre como era a vida dos brasileiros que moravam fora. Queria saber se era puro glamour ou se, na verdade, era muita ralação para conquistar um novo espaço.

Desde que comecei a viagem, sempre que encontro brasileiros pergunto sobre a vida fora. Dificuldades com uma nova língua, sistemas de saúde, trânsito, escolas, entre outros. Tenho vontade de saber se os países tem uma boa infra-estrutura e se eles estão conseguindo usufruir dos benefícios.

Acabei juntando a curiosidade com a vontade de ajudar outras pessoas que, assim como eu quando estava no Brasil, tem o sonho de morar fora mas vivem no piloto automático e não tem ideia de como começar e nem se é possível realizar essa mudança.

Foi então que a partir disso tive a ideia de relatar a vida dos brasileiros que moram fora através de entrevistas. Dessa forma consigo apresentar de um jeito simples e dinâmico como realmente é a vida de quem resolveu largar o Brasil e foi se aventurar mundo a fora.

Para facilitar quem quer acessar o conteúdo criei três formas de interação:

  • Vídeo: para quem gosta de dar uma carinha aos entrevistados.
  • Áudio: ideal para ouvir no transito indo e voltando do trabalho =)
  • Texto: para quem gosta de ler e ver os mínimos detalhes.

Estou me divertindo e aprendendo muito com cada entrevista. Tenho certeza que além de mostrar como é a vida em cada canto do mundo, você também vai curtir essa jornada!

Mas e você? Quando vai começar a realizar o seu sonho de morar fora?